Mulher-Maravilha 1984

Patty Jenkins
Ação2020

151 min

Mulher-Maravilha 1984Mulher-Maravilha 1984
(2020)

Trailer

Sinopse

Rebobina até aos anos 80 com o espetacular novo filme da Mulher Maravilha, onde terá de enfrentar uma galeria de vilões que inclui os icónicos Max Lord e a Mulher-Leopardo.

Ficha técnica

Por que assistir a este filme?

Depois da boa recepção de 'Mulher-Maravilha', a atriz Gal Gadot volta ao papel da guerreira amazona mais uma vez com a cineasta Patty Jenkins mais uma vez no comando do longa-metragem. Desta vez, sem Zack Snyder por trás de toda a franquia de heróis da DC Comics nos cinemas, o filme está um pouco mais limpo — sem toda aquela aura de videogame — e o tom de aventura ganha ainda mais espaço. Há um pouco de mesmice na questão do vilão a ser enfrentado e o filme não vai além de suas propostas, reafirmando como a DC continua um tanto perdido em seu projeto nos cinemas. Mas aqueles que gostaram do primeiro filme de 'Mulher-Maravilha' sem dúvidas vão se divertir e embarcar nessa nova proposta, que apenas mostra como a personagem de Gal Gadot continua sendo a única intérprete possível para a heroína.

Filmelier

Filmelier

As nossas sugestões

Depois do ótimo 'Mulher-Maravilha', a protagonista Gal Gadot e a diretora Patty Jenkins retornam em uma nova aventura, 'Mulher-Maravilha 1984'. Como o título entrega, o longa se passa na década de 1980, que, na visão de Jenkins, foi o auge do capitalismo - e dos seus exageros. Se no primeiro filme a amazona enfrentou os males da guerra e o ódio de Ares, aqui o maior inimigo é a ganância humana - personificada na figura do vilão Maxwell Lord, bem interpretado por Pedro Pascal ('The Mandalorian'). Há, ainda, a presença de Kristen Wiig ('A Vida Secreta de Walter Mitty') como Barbara Minerva, a vilã Cheetah. Tudo isso em um roteiro e estética que buscam imitar aquilo que era feito no passado, inclusive pela própria Warner Bros. - o que em certos momentos funciona pela nostalgia, mas em outros cai exatamente nos mesmos erros dos filmes daquela época, o que gera os trechos mais comprometedores da fita. Longe de ter a profundidade do longa anterior, 'Mulher-Maravilha 1984' funciona mais como o retrato de uma época passada da qual todos temos saudade, mas não somos loucos o suficiente para querer voltar para lá.

Renan Martins Frade

Renan Martins Frade

Editor-chefe do Filmelier

Onde assistir?

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Indisponível nos cinemas

Publicidade