Pixel do Facebook

First Cow: A Primeira Vaca da América

Kelly Reichardt
Drama2021

121 min

First Cow: A Primeira Vaca da AméricaFirst Cow: A Primeira Vaca da América
(2021)

Trailer

Sinopse

Estados Unidos, 1820. Os territórios pouco explorados do país oferecem muitas oportunidades e perigos aos viajantes. Quando os caminhos de um cozinheiro e de um chinês em fuga se cruzam, uma grande ideia nasce dessa amizade improvável. Festival de Berlim.

Ficha técnica

Por que assistir a este filme?

Na superfície, ‘First Cow: A Primeira Vaca da América’ é um filme simples. Acompanhamos a história de um americano (Cookie, vivido por John Magaro) que conhece um homem chinês (King-Liu, por Orion Lee) durante uma expedição no coração dos Estados Unidos no século XIX. No entanto, logo a diretora Kelly Reichardt (‘Wendy e Lucy’) coloca uma vaca nessa equação. Isso mesmo. Tal qual o animal que cai dos céus em ‘Um Conto Chinês’ se torna um catalisador para algo maior, em ‘First Cow’ o mesmo acontece. Só que, neste caso, a vaca acaba sendo a fonte de dinheiro de Cookie e King-Liu, que roubam leite dessa primeira vaca da região -- que é de propriedade de um rico empresário (Toby Jones). A partir daí, acompanhamos dois efeitos interessantes. Primeiramente, como a amizade desse americano e desse chinês (talvez representando a força de uma parceria comercial dessas duas potências) é forte, resiliente, complementar. Um sabe cozinhar, outro tem a experiência da gastronomia e do comércio. Do outro lado, com esses roubos insistentes do leite do rico empresário, vemos Reichardt colocar o pilar do capitalismo em xeque. Afinal, o que acontece quando um bem, geralmente sob propriedade de uma só pessoa ou empresa, é explorado por trabalhadores diversos, com ideias e criatividade ao máximo? É isso que vemos brilhantemente retratado na tela, numa trama lenta e contemplativa, mas poderosa.

Matheus Mans

Matheus Mans

Editor do Filmelier

Onde assistir?

Em cartaz nos cinemas

Ingresso.com

Publicidade