Venom: Tempo de Carnificina

Andy Serkis
Venom: Tempo de CarnificinaVenom: Tempo de Carnificina
(2021)

Trailer

Sinopse

Em 'Venom: Tempo de Carnificina', o relacionamento entre Eddie e Venom está evoluindo. Buscando a melhor forma de lidar com a inevitável simbiose, esse dois lados descobrem como viver juntos e, de alguma forma, se tornarem melhores juntos do que separados.

Ficha técnica

Por que assistir a este filme?

‘Venom: Tempo de Carnificina’ é de forma quase literal a versão cinematográfica das histórias em quadrinhos do personagem, principalmente dos anos 1990. Há todo o humor non-sense, anarquia e exagero que caracterizaram os gibis daquela época. Tudo isso feito de forma extremamente consciente pelo diretor Andy Serkis (sim, ele mesmo, o Gollum de ‘Senhor dos Anéis’ - em seu quarto longa-metragem na função) e pelos roteiristas Kelly Marcel e Tom Hardy (exatamente, o astro da história). O resultado disso é uma espécie de mistura de ‘Deadpool’ com comédia de terror, com um roteiro que tem praticamente a mesma estrutura dos filmes do Homem-Aranha assinados por Sam Raimi. O antagonista da aventura, o Carnificina, é interpretado por Woody Harrelson (‘Zumbilândia’), que busca também no humor o toque de irreverência para viver o assassino em série. Falta, talvez, um pouco mais violência gráfica (a classificação indicativa original é PG-13, contra a R, que obriga menores de 17 a assistirem acompanhados dos pais, do Mercenário Tagarela) e justamente um roteiro mais elaborado. Ainda assim, com cerca de 97 minutos, entrega de forma rápida e direta o entretenimento que se propõe.

Renan Martins Frade

Renan Martins Frade

Editor-chefe do Filmelier

Onde assistir?

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Em cartaz nos cinemas

Ingresso.com

Em breve em casa

Publicidade