Honeyland

Ljubo Stefanov & Tamara Kotevska
HoneylandHoneyland
(2020)

Trailer

Sinopse

A última caçadora de mulheres na Europa deve salvar as abelhas e devolver o equilíbrio natural em Honeyland, quando uma família de apicultores nômades invade sua terra e ameaça seu sustento.

Ficha técnica

Por que assistir a este filme?

Concorrente ao Oscar de Melhor Documentário e Melhor Filme Estrangeiro em 2020, ‘Honeyland’ é deveras singular. Afinal, esta produção da Macedônia é daqueles documentários tão bem editados e roteirizados que nem se parece com um documentário de fato, já que conta com uma história bem delimitada, um clímax e uma transformação dos personagens -- como ‘Virunga’, por exemplo, fez com uma guerra ao redor de uma reserva natural na África. No caso deste filme de Tamara Kotevska e Ljubomir Stefanov, o foco está em uma mulher solitária, no interior da Macedônia, que cuida da mãe já idosa e de centenas de abelhas, responsáveis por seu sustento. É difícil não se emocionar com a jornada dessa mulher, tão simples, mas tão forte. É um filme lento, quieto, simples, parado. Mas conta com uma poesia intrínseca em suas sequências, recheadas de sentimentos. É preciso ter paciência para assisti-lo. Mas depois, é difícil não se lembrar de Hatidze Muratova.

Matheus Mans

Matheus Mans

Editor do Filmelier

Acompanhar Hatidze, sua mãe e as abelhas nesse lugar remoto da Macedônia é como dar um tempo desse mundo meio caótico em que vivemos atualmente. É um filme poesia em cada minuto. E a tensão que se cria entre Hatidze e a família que chega é a melhor representação entre a sustentabilidade e o modo de produção industrial que já vi.

Renata Terra

Renata Terra

Diretora, montadora e roteirista

Onde assistir?

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Indisponível nos cinemas

Publicidade