acampamento2

Ronaldo Souza fala sobre Jung, Gato Galáctico e ‘Acampamento Intergaláctico’, seu 1° filme

Criador de conteúdo fala, ao Filmelier, sobre suas inspirações para criar histórias para as crianças e desafios do primeiro filme

Matheus Mans   |  
22 de setembro de 2022 18:08
- Atualizado em 23 de setembro de 2022 15:46

Ronaldo Souza, conhecido popularmente como Gato Galáctico, é um dos maiores criadores de conteúdo do Brasil. Seu canal no YouTube, onde produz conteúdo principalmente para os pequenos, conta com mais de 15 milhões de inscritos e ele, assim como Luccas Neto, está criando um verdadeiro universo de histórias e personagens interligados — e que deixam as crianças ainda mais empolgadas. Agora, essa sua jornada narrativa ganha mais um capítulo com a estreia de ‘Acampamento Intergaláctico‘, filme que chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, 22 de setembro.

Dirigido por Fabrício Bittar (‘Alice no Mundo da Internet‘), o longa-metragem acompanha Ronaldo e sua irmã, que viajam ao Acampamento Intergaláctico para participarem de uma competição que revela grandes inventores. Chegando lá, desconfiam que um alienígena malvado esteja sabotando os seus planos. A partir daí, seguindo o caminho das clássicas aventuras infantis, viverão uma jornada cheia de ciência, diversão e música para salvar o mundo. A distribuição é da Synapse, que pertence ao mesmo grupo do Filmelier, em parceria com a Ledafilms.

Publicidade

“O filme nasceu a partir da nossa observação do trabalho do Ronaldo e gostar do trabalho que ele faz na internet. A gente entrou em contato para saber se era uma vontade dele, se queria fazer uma adaptação nessa mudança de mídia”, contextualiza Bittar ao Filmelier. “Logo, Ronaldo entendeu que seria um trabalho com muito respeito e com muita parceria para respeitar o conteúdo que ele fazia e, ao mesmo tempo, adaptar para o cinemas com um filme que pudesse funcionar para aquele público que não conhece, necessariamente, o personagem e o canal do Ronaldo”.

Elenco de ‘Acampamento Intergaláctico’, primeiro filme do personagem Gato Galáctico (Crédito: Divulgação/Synapse)

🎞  Quer saber as estreias do streaming e dos cinemas? Clique aqui e confira os novos filmes para assistir!

Ronaldo conta que foi desafiador fazer essa transição entre uma mídia e outra. “A internet tem um ritmo, os shows têm outro e o cinema, claro, também”, diz ao Filmelier. “Foi desafiador, mas também muito natural. Estamos no campo do ‘storytelling’. No momento que estamos contando uma história, é minha área. Adoro trabalhar com estados do sonho, com História, com arquétipos. No momento que a gente recebeu o convite para trabalharmos juntos, me veio gratidão por acreditarem no nosso produto. Tiveram sensibilidade de fazer um produto que também funciona com todos”.

‘Acampamento Intergaláctico’, Ronaldo e Jung

Na conversa com o Filmelier, Ronaldo Souza mostrou que não pode subestimar seu conteúdo: mais do que fazer sucesso entre o público infantil, o artista mostra que tem uma sólida base nos fundamentos do que é contar uma boa história. Primeiro, ele conta que trabalharam com afinco na pré-produção para fazer com que Gato Galáctico tenha um público ainda maior do que na internet e no teatro.

“O filme funciona sem nem conhecer o personagem”, diz Ronaldo. “O veículo de comunicação é grande, mas não interessa. A gente tá trabalhando com um produto atemporal, quase eterno. Queremos manter para as próximas gerações, quando entrarem em contato com o Gato Galáctico no futuro”.

Indo além, Ronaldo Souza fala sobre algo extremamente complexo e que rege seu conteúdo: a psicologia analítica de Carl Jung e seus arquétipos.

“Comecei contando histórias da minha própria vida, mas não dá pra fazer isso pra sempre. Elas perdem a jornada, o épico, aquela coisa toda”, diz o intérprete de Gato Galáctico. “Me interessei pelo ‘storytelling’ ainda mais quando entendi a psicologia por trás disso. Entender a psicologia junguiana, arquétipos, a mitologia e até a história bíblica. É buscar padrões por trás dessas histórias, os arquétipos do nosso inconsciente coletivo. Trabalho de uma maneira mais psicológica. Tudo isso, apesar da complexidade, é muito percebido e sentido pelo público infantil”.

De exemplo, Ronaldo lembra da própria infância, quando assistia a ‘Pinóquio‘, filme da Disney de 1940. “Eu adorava o filme. Depois fui perceber que é por ter milhões de camadas arquetípicas e de histórias que foram contadas há milhares de anos. Você não consegue entender e verbalizar tudo que está acontecendo, mas você identifica e gosta. Eu sempre tento fazer isso no Gato Galáctico e no ‘Acampamento Intergaláctico'”, explica Ronaldo.

“A partir do momento que você conversa com um inconsciente, a gente consegue contar as histórias mais profundas para o ser humano e as crianças se interessam e entendem também. No ‘Acampamento Intergaláctico’, deixamos isso mais simplificado”.

‘Acampamento Intergaláctico’ está em cartaz nos cinemas. Clique para saber mais detalhes, assistir ao trailer e encontrar o link para a compra de ingressos.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.