Prime Video + HBO

Entenda a entrada do conteúdo da HBO no Amazon Prime Video

Séries e filmes não devem fazer parte da assinatura do Prime, que custa R$ 9,90 por mês, mas sim de um plano à parte

11 de junho de 2020 15:39
- Atualizado em 16 de junho de 2020 14:16

Nesta quinta (11), os usuários brasileiros do Amazon Prime Video começaram a ser surpreendidos com filmes e séries da HBO ao lado do restante do catálogo da plataforma da gigante de Seattle, EUA. Os conteúdos, no entanto, ainda não estão disponíveis para assistir, chegando junto com o aviso de “no momento, este vídeo está indisponível em sua localidade”.

Mesmo assim, em cada um dos títulos, é possível encontrar informações técnicas como idiomas de áudio e legendas, que incluem português. Isso demonstraria que a plataforma tem acesso à localização brasileira para estes filmes e séries.

No Twitter, alguns usuários passaram a conjecturar que se trata de um novo contrato de licenciamento do serviço da Amazon com a empresa do grupo WarnerMedia, nos moldes daquele já existente com a Disney na América Latina. Porém, se o acordo no Brasil seguir os mesmos moldes daquele existente nos Estados Unidos, a parceria será em um modelo diferente – e que será complementar à futura chegada do HBO Max ao nosso País.

‘Game of Thrones’ no Amazon Prime Video? Quase… (crédito: reprodução / Amazon)

Prime Video Store e Prime Video Channels

Nos EUA, as produções exclusivas da HBO já estão disponíveis no Prime Video. Porém, o acesso a esses conteúdos não está incluso no pacote normal da plataforma. Se o nosso país seguir o mesmo exemplo, você não poderá assistir a ‘Game of Thrones’ e ‘Watchmen’ pelos mesmos R$ 9,90 que paga no Amazon Prime – pacote de serviço que, vale lembrar, é ainda mais amplo que o Prime Video.

Publicidade

Neste modelo, o usuário pode comprar episódios ou temporadas inteiras de forma avulsa, no que é chamado de Prime Video Store. No Brasil, o Filmelier pode confirmar que o Prime Video Store tem o lançamento planejado para novembro.

Nos EUA, o conteúdo da HBO tem que ser pago à parte da assinatura do Prime Video (crédito: reprodução / Amazon)

Outro caminho que existe lá fora, e que o Filmelier também confirma que está sendo preparado para o Brasil, é do Prime Video Channels. Nele, o usuário pode assinar canais inteiros de forma avulsa. Em vez de você assinar o HBO Go pela internet e acessar o conteúdo pelo próprio app da plataforma, você paga esse valor para a Amazon e vê os filmes e séries pelo site e aplicativos do Prime Video.

Além da HBO, o cliente norte-americano da Amazon pode, ainda, assinar canais como Showtime, Starz, Epix, CBS All Access, Boomerang e muito mais. Os valores partem de US$ 2,99 e chegam a até US$ 24,99, no caso da MLB TV. A HBO custa US$ 14,99.

Assinaturas de Prime Video e HBO na Amazon: duas opções separadas e com preços diferentes (crédito: reprodução / Amazon)

Contactada pelo Filmelier para entender a entrada do conteúdo e esclarecer qual será o modelo adotado para a parceria no Brasil, a HBO preferiu não comentar o assunto. Já o Prime Video não retornou até o fechamento deste texto. Caso haja uma resposta, atualizaremos.

Ganha-ganha

A grande vantagem para esses canais é que um terceiro passa a se preocupar com a estrutura de servidores, problemas de conexão, faturamento e outras questões importantes que são mais próximas do modelo de negócio da Amazon do que de uma empresa de entretenimento.

Para o usuário, além de contar com um aplicativo mais robusto e com menos engasgos, há a chance de fazer “bundles”, “pacotes” de assinaturas que podem sair mais baratas em conjunto.

Na prática, vira uma TV paga na qual o consumidor escolhe exatamente o que quer e é tudo via internet. A Apple, via Apple TV Channels, já pratica no Brasil esse modelo de comercialização para o video on demand.

Por tudo isso, é provável que, em breve, você não terá as séries e filmes da HBO incluídos na sua assinatura do Amazon Prime, mas sim uma nova opção para substituir a assinatura de TV paga.