matt-dillon

Matt Dillon vai ser homenageado no Festival de Locarno

O ator receberá um prêmio pelo conjunto de sua obra no festival suíço

21 de junho de 2022 12:11

Matt Dillon, cuja carreira tem títulos como ‘Drugstore Cowboy (1989)’, ‘Quem Vai Ficar com Mary?’ (1998), ‘A Casa Que Jack Construiu’ (2018) e ‘Nimic’ (2019), ganhará uma homenagem no Festival Internacional de Cinema de Locarno 2022. O ator vai receber um prêmio por sua carreira.

Segundo o Hollywood Reporter, ele será prestigiado pela sua versatilidade como ator e a mostra vai exibir ‘Drugstore Cowboy’ e ‘Cidade Fantasma’, estreia de Dillon na direção de 2002.

“Matt Dillon encarna com suprema liberdade uma ideia de artista norte-americano e de cinema, algo que amamos profundamente: a inquietação da juventude e a liberdade da maturidade”, disse a diretora artística de Locarno, Giona A. Nazzaro. “[Ele é] um artista que construiu um sucesso duradouro e transgeracional sem nunca se esquivar de explorar novos desafios e linguagens. Um ator e realizador surpreendente, Dillon representa o melhor de uma ideia do cinema norte-americano que surgiu na década de 1970, enquanto celebra a coragem de escolhas não convencionais.”

Matt Dillon em ‘A Casa Que Jack Construiu’, filme de Lars von Trier (Crédito: Divulgação/IFC Films)

🎞  Quer saber as estreias do streaming e dos cinemas? Clique aqui e confira os novos filmes para assistir!

Desde sua estreia no cinema aos 14 anos, no clássico cult de Jonathan Kaplan, ‘A Um Passo do Abismo’ (1979), Dillon construiu uma carreira única, entre o cinema independente de Gus Van Sant e Francis Ford Coppola (‘Vidas Sem Rumo’ e ‘O Selvagem da Motocicleta’, ambos de 1983) passando por comédias românticas, incluindo ‘Vida de Solteiro’ (1992) e ‘Um Amor de Verdade’ (1993), de Anthony Minghella, e ainda tendo trabalhado com importantes nomes do cinema de autor: Lars von Trier, Yorgos Lanthimos e Bent Hamer.

Publicidade

Na TV, Dillon estrelou o drama ‘Wayward Pines’, e será visto ao lado de Patricia Arquette em ‘High Desert’, da AppleTV+. Atrás das câmeras, ele trouxe ‘Cidade Fantasma’- um thriller que co-escreveu com Barry Gifford – e o documentário de ‘El Gran Fellove’ (2020) sobre o lendário músico cubano Francisco Fellove.

Os vencedores anteriores do prêmio pelo conjunto da obra de Locarno, criado em 2011, incluem Harrison Ford (2011), Jacqueline Bisset (2013), Harvey Keitel (2016) e Dario Argento (2021). O Festival de Locarno começa em 3 de agosto e vai até o dia 13.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.