The Sandman_Netflix

Neil Gaiman confessa que sabotou filme de ‘Sandman’ nos anos 1990

“Aquele era o pior roteiro que eu já li”, definiu Gaiman, criador do personagem que é a base da série da Netflix

25 de agosto de 2022 19:02

Um dos principais lançamentos do ano da Netflix, dá para dizer que a série ‘Sandman’ é um sucesso – tanto de público, já passando das 270 mil horas assistidas; quanto de crítica, com 86% de aprovação no Rotten Tomatoes. Porém, o personagem poderia ter tido um outro destino – e foi o próprio criador que sabotou algo que poderia ter sido uma verdadeira tragédia audiovisual.

Originalmente introduzido nos quadrinhos da DC Comics em 1939, o personagem Sandman foi recriado pelo roteirista e escritor britânico Neil Gaiman em 1989. Aclamado pelos leitores e pela imprensa, a HQ entrou na fila de projetos do produtor Jon Peters (de ‘Batman’, o de 1989, e de ‘Nasce Uma Estrela’) para se transformar em um filme na segunda metade dos anos 1990. É aí que o quadrinista entra novamente na jogada.

Justamente por Gaiman ter sido o responsável por criar toda aquela mitologia, o escritório de Peter o enviou uma cópia do script em que estavam trabalhando. “Aquele era o pior roteiro que eu já li”, definiu o autor em entrevista para a Rolling Stone. Além da qualidade duvidosa em si, a adaptação mudava diversas características do personagens, além de suas motivações.

Publicidade

“Eu não li tudo, li o máximo que pude do roteiro”, explicou o britânico. “E não tenho certeza se teria sido um filme de ação ou algo assim. Era uma bagunça. Não ficava melhor do que uma bagunça. Tinha aranhas mecânicas gigantes nele.”

Tom Sturridge como Sonho em Sandman: o personagem quase teve um outro destino (crédito: divulgação / Laurence Cendrowicz/Netflix)
Tom Sturridge como Sonho em ‘Sandman’: o personagem quase teve um outro destino (crédito: divulgação / Laurence Cendrowicz/Netflix)

📺 Quer encontrar mais de mil sugestões de filmes para assistir na Netflix? Confira aqui!

Pior do que receber um roteiro ruim é quando te perguntam o que achou dele. E foi exatamente isso o que ocorreu em seguida, como relata o quadrinista e escritor.

“Lembro deles telefonando para mim. Eu normalmente sou educado e gentil ao telefone. Tento encontrar coisas positivas para dizer às pessoas que me ligam. E um cara no escritório de Jon Peters me ligou e disse, ‘Então Neil, você teve a chance de ler o roteiro que lhe enviamos?’ E eu disse: ‘Bem, sim. Sim, eu li. Não li tudo, mas li o suficiente.’ Ele diz: ‘Então, muito bom. Hein?'”.

“Eu disse: ‘Bem, não. Realmente não é.’ Ele respondeu: ‘Ah, vamos lá. Deve ter havido coisas lá que você amou.’ Eu disse: ‘Não havia nada lá que eu adorasse. Não havia nada lá que eu gostasse. Foi o pior roteiro que eu já li. Não é apenas o pior roteiro de ‘Sandman’. Esse foi o pior roteiro que eu já li”, relembrou o britânico.

“E ele disse: ‘Ah, tudo bem. Você não pode ganhar todas.’ Eu: ‘Não, você realmente não pode.’ Desliguei o telefone e pensei, o que eu faço agora?”, continuou.

É aqui que as coisas começam a ficar realmente curiosas. Como mencionado, Sandman não é uma criação total de Gaiman – o quadrinho foi baseado em um personagem pré-existente, pertencente ao grupo que, na época, atendia pelo nome Time Warner. Consultar o britânico foi mais uma cortesia do que uma necessidade: a Warner Bros. poderia fazer o que quisesse com o personagem.

Só que Neil Gaiman tinha um plano.

“Enviei o roteiro para o Ain’t It Cool News, que na época era lido pelas pessoas. Eu pensei, o que o Ain’t It Cool News vai achar do roteiro se eles receberem anonimamente? E eles escreveram um artigo fabuloso sobre como aquele era o pior roteiro que eles já tinham recebido. De repente a possibilidade desse filme acontecer acabou. E, em vez disso, Jon Peters voltou sua atenção para ‘As Loucas Aventuras de James West’”.

Curiosamente, ‘As Loucas Aventuras de James West’ é uma outra adaptação que foge bastante do material original. Inspirado na série ‘James West’ (‘Wild Wild West’, no original), o longa traz o personagem-título interpretado por Will Smith, inclusive enfrentando (veja só!) uma aranha mecânica gigante.

Confira a cena:

‘As Loucas Aventuras de James West’ tem a retumbante aprovação de 16% no Rotten Tomatoes. Já a adaptação de ‘Sandman’ teve que esperar um pouco mais para finalmente acontecer, em 2022 – e com a produção executiva do próprio Neil Gaiman. Ufa.

A primeira temporada completa de ‘Sandman’ está disponível na Netflix.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.