olivia-newton-john

Olivia Newton-John, icônica atriz de ‘Grease’, morre aos 73 anos

O papel mais famoso de Newton-John foi ao lado de John Travolta em ‘Grease’

8 de agosto de 2022 17:30
- Atualizado em 9 de agosto de 2022 18:04

Olivia Newton-John morreu nesta segunda-feira, aos 73 anos. A atriz e cantora marcou uma geração como Sandy em ‘Grease’, tanto no mundo do cinema quanto no da música. A notícia da morte foi divulgada pelo marido dela, John Easterling, nas redes sociais.

“Dame Olivia Newton-John faleceu pacificamente em seu rancho no sul da Califórnia esta manhã, cercada por familiares e amigos. Pedimos a todos que respeitem a privacidade da família durante este período muito difícil”, escreveu John.

“Olivia tem sido um símbolo de triunfos e esperança por mais de 30 anos compartilhando sua jornada com o câncer de mama. Sua inspiração de cura e experiência pioneira com plantas medicinais continua com Olivia Newton-John Foundation, fundo dedicado à pesquisa de plantas medicinais e câncer”, completou.

Olivia Newton-John, icônica atriz de 'Grease', morre aos 73 anos
Olivia Newton-John lutava contra um câncer de mama (Crédito: Reprodução/Instagram)

Olivia Newton-John foi diagnosticada com câncer de mama pela primeira vez em 1992. O diagnóstico voltou em 2013 e também em 2017. Ela estava lutando novamente contra a doença em estágio quatro.

Carreira de Olivia Newton-John

Publicidade

A atriz e cantora nasceu na Inglaterra em 1948, antes de se mudar para a Austrália aos 14 anos. Ela é a mais nova de três irmãos, Hugh e Rona. Olivia é neta de Max Born, o físico alemão laureado com o Prêmio Nobel que fugiu da Alemanha na década de 1930 para evitar a perseguição nazista.

O pai dela era um oficial MI5, trabalhando no Projeto Enigma em Bletchley Park (antiga instalação militar secreta no Reino Unido). A família Newton-John se mudou para Melbourne, pois o pai passou a trabalhar como professor na Universidade de Melbourne.

Ela começou a cantar no final dos anos 1960, lançando seu primeiro álbum solo, “If Not for You”, em 1971, com a faixa-título originalmente escrita por Bob Dylan. O disco foi muito bem na Austrália e na Inglaterra, mas um fracasso nos Estados Unidos.

Paralelo a sua carreira musical, ela passou também a investir na atuação. Fez diversas participações no programa ‘It’s Cliff Richard Show’ que acabou estrelando um filme com ele, ‘The Case’. Em 1973, ela chegou as paradas norte-americanas com o single ‘Let Me Be There’, rendendo seu primeiro Grammy, na categoria de Melhor Cantora Country do Ano.

Olivia Newton-John e John Travolta em ‘Grease’ (Crédito: Divulgação/Paramount Pictures)

Nos anos seguintes, ela continuou fazendo sucesso com suas músicas, rendendo mais prêmios. Até que em 1978, com o ápice no mundo da música, ela foi convidada para estrelar a adaptação cinematográfica de ‘Grease’, o musical da Broadway.

Olivia seria a protagonista Sandy e insistiu em fazer um teste de atuação com o coprotagonista do filme, John Travolta. Ela passou no teste e a personagem teve que ser adaptada ao sotaque dela. A Sandy Dumbrowski da Broadway se tornou para Sandy Olson, uma jovem australiana que estava de férias nos Estados Unidos.

‘Grease’ se tornou a maior bilheteria de 1978 e nunca chegou de ser popular. A trilha sonora da produção ficou 12 semanas consecutivas no número um da Billboard. Um dos seus maiores hits internacionais do filme, ‘You’re The One That I Want’, dueto com John Travolta, foi uma das duas canções que o produtor de Olivia, John Farrar, escreveu especificamente para o filme.

Olivia se tornou a segunda mulher da história dos EUA a ter dois singles – ‘Hopelessly Devoted To You’ e ‘Summer Nights’ – no Top 5 da Billboard simultaneamente. Ela também foi indicada para um Globo de Ouro como Melhor Atriz em um Musical e ao Oscar pela música ‘Hopelessly Devoted To You’ em 1979.

Nos anos 1980, a artista estrelou ‘Xanadu’, um musical que não deu um grande lucro nos EUA. Fora da América do Norte, o longa até que teve resultados melhores em países como Austrália, Japão, Alemanha e Brasil. Atualmente, o filme tem um status cult graças à trilha sonora e seu lado oitentista flertando com o trash.

Ao lado de John Travolta, ela também fez ‘Embalos a Dois’, uma fantasia romântica dirigida por John Herzfeld. A produção foi um fracasso entre a crítica, mas a trilha sonora fez muito sucesso, rendendo três singles de sucesso para Newton-John.

Olivia Newton-John em ‘Sharknado 5’ (Créditos: Reprodução/Syfy)

Nos anos seguintes, Olivia Newton-John continuou investindo na música, enquanto estrelava alguns filmes para TV como ‘Uma Mãe pelo Natal’ (1990), ‘Romance de Natal’ (1994), ‘The Christmas Angel: A Story on Ice’ (1998), ‘The Wilde Girls’ (2001), entre outros.

Os trabalhos mais recentes dela foram na série ‘Sordid Lives: The Series’ e nos filmes ‘Depois dos 30’ (2011), ‘Sharknado 5: Voracidade Global’ (2017) e ‘The Very Excellent Mr. Dundee’ (2020).

Olivia Newton-John deixa a filha, Chloe Rose, fruto de seu casamento com ator e dançarino norte-americano Matt Lattanzi, e o marido John Easterling, empresário norte-americano com quem ela estava casada desde 2008.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.