Cinema vazio / Chris Marchant / Flickr

Cinemas devem fechar às 20h e aos fins de semana em SP

Como cinema não é considerado serviço essencial, novamente as salas terão que fechar no estado de São Paulo como medida de segurança para contar o avanço da pandemia de covid-19

22 de janeiro de 2021 às 09:57

Com o aumento dos números de casos – e consequentemente o agravamento da pandemia do novo coronavírus – o governo de São Paulo terá novas medidas de seguranças para conter a situação. A partir de hoje, 22, a fase vermelha, do Plano SP, passará a valer em todas as cidades paulista até às 20h, todos os dias da semana. Já nos finais de semanas e feriados, durante o dia e a noite.

Novamente bares, restaurantes, cinemas e todos os tipos de comércio estão proibidos de funcionar até a manhã seguinte. A coletiva com o anúncio das novas regras para conter o avanço da pandemia de covid-19 acontecerá no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, segundo a Folha e o Estadão.

Com as novas medidas, novamente os cinemas voltam a fechar suas portas (Foto: Divulgação/Mostra de Cinema de SP/Natali Hernandes)

Nos primeiros dias de 2021, os casos cresceram 42% e o percentual de mortes também subiu 39% entre dezembro e janeiro. Foram 62 mil novos diagnósticos e 1.100 óbitos. O Estado de São Paulo registra desde o começo da pandemia, em fevereiro de 2020, 1,66 milhão de casos e 50,6 mil mortes.

Publicidade

Além disso, devem ser abertos mais de 700 novas vagas, possivelmente no esquema de hospital de campanha. Já que a taxa de ocupação geral de UTIs saltou de 61,8% para 70,8% desde o começo do mês. Na Grande São Paulo, foi de 66,9% para 71,5%, um número mais estável. São 13.711 doentes de Covid-19 internados no estado, 6.053 deles em UTIs.

Vale citar também que até ontem, 21, foram mais de 50 mil os vacinados, de grupos prioritários, no estado.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.