Aves de Rapina

Com cinemas fechados, estúdios adiantam lançamentos no streaming brasileiro

Entre os filmes estão ‘Bloodshot’ e ‘Aves de Rapina’, que ficaram pouquíssimo tempo em cartaz nos cinemas

26 de março de 2020 17:14
- Atualizado em 1 de abril de 2020 18:22

O combate à pandemia da covid-19 (o novo coronavírus) fez com que os cinemas fossem fechados em diversos países do mundo. Nesse cenário, os grandes estúdios estão se vendo obrigados a rever um antigo paradigma da indústria: a famosa janela dos exibidores, que garante aos cinemas uma exclusividade que geralmente dura 90 dias. Só nesta semana, por exemplo, ‘Aves de Rapina‘ e ‘Bloodshot‘ estão sendo lançados no streaming muito antes desse período.

O caso de ‘Bloodshot’, da Sony, é ainda mais dramático. O longa-metragem estreou no dia 12 de março, quando a pandemia já preocupava e afastava os brasileiros dos cinemas. De acordo com a última estimativa do Filme B, a produção estrelada por Vin Diesel teve apenas 181 mil pessoas de público até o último dia 20.

Nesse contexto, o adiantamento do lançamento no video on demand faz sentido para conter as perdas e aproveitar, de alguma forma, o pesado investimento de marketing. O longa estará disponível para assistir em casa a partir de amanhã (27). Clique aqui para saber mais sobre o título.

‘Bloodshot’, com Vin Diesel: apenas 15 dias entre a estreia nos cinemas e no streaming (crédito: divulgação / Sony)

Publicidade

Outro adiantamento relevante foi o de ‘Aves de Rapina (Arlequina e Sua Emancipação Fantabulosa’). Elogiado pela crítica, o filme foi lançado no Brasil bem antes da crise, em 6 de fevereiro – e teve um público de mais de 2 milhões de pessoas. Agora, está disponível para assistir em casa.

Mesmo que a diminuição dessa janela não seja para conter eventuais perdas com o coronavírus, certamente a Warner Bros. se beneficiará do público em em isolamento social para turbinar as compras do filme no streaming – opção que já está disponível no iTunes/Apple TV, Google Play e YouTube. A produção estrelada por Margot Robbie será disponibilizada para alugar em 2 de abril, mesmo dia em que será lançada no NOW, Vivo Play e SKY Play. Clique aqui para saber mais.

Seguindo a mesma linha, a Sony adiantou a estreia de ‘Adoráveis Mulheres‘, filme dirigido por Greta Gerwig que venceu o Oscar de figurino agora em 2020. Lançado nos cinemas em 9 de janeiro, o longa chega ao streaming do nosso País a partir de amanhã, 27 de março – inicialmente apenas para compra no iTunes/Apple TV, Google Play e YouTube. A opção de aluguel e o lançamento no NOW, Vivo Play e SKY Play chegarão em 8 de abril.

Saoirse Ronan e Timothée Chalamet em ‘Adoráveis Mulheres’ (crédito: divulgação / Sony)

O Caso Richard Jewell‘ é outro que está chegando ao video on demand nesta semana, mas o longa dirigido por Clint Eastwood segue a habitual estratégia de datas da Warner – que é de lançar seus filmes no streaming duas semanas antes, mas apenas com a opção de compra.

Cenas dos próximos filmes

Como não há uma previsão para a reabertura dos cinemas no Brasil, a estratégia de janela curta para as grandes distribuidoras continuará nas próximas semanas. ‘Jumanji: Próxima Fase’ será lançado no streaming em 1º de abril, ‘O Escândalo‘ em 9 de abril, ‘Bad Boys Para Sempre‘ no dia 15 do mesmo mês.

Apesar de não haver ainda um posicionamento oficial no Brasil, a Universal Pictures anunciou que adotará a mesma tática nos EUA. Por lá, ‘Trolls 2’ terá lançamento simultâneo nos cinemas e no video on demand. ‘O Homem Invisível‘, ‘The Hunt’ e ‘Emma’ são outros títulos que furarão a habitual janela de 90 dias.

Ao mesmo tempo, os independentes também estão se armando. ‘Você Não Estava Aqui’, o mais novo filme do diretor Ken Loach (de ‘Eu, Daniel Blake‘) e distribuído pela Vitrine, estreou nos cinemas brasileiros em 23 de fevereiro – e agora está previsto para ser assistido em casa a partir de 1º de abril.

Resta saber, agora, se tudo isso representará uma mudança no mercado como um todo, ou apenas estratégias isoladas para contornar uma crise global.