uncut gems

“Eu tenho sido um gênio por toda a minha carreira”, diz Adam Sandler sobre acordo com a Netflix

Astro está passando por um renascimento em Hollywood, em parte graças a pareceria com a plataforma de streaming

13 de dezembro de 2019 09:52
- Atualizado em 17 de junho de 2020 12:16

’Uncut Gems’ é apenas o resultado mais recente de verdadeiro renascimento de Adam Sandler. Tudo começou em 2014, quando o ator e produtor fechou um contrato com a Netflix, isso quando a gigante do streaming ainda não havia lançado o seu primeiro longa-metragem original. A partir de então, a união já rendeu um filme selecionado no Festival de Cannes (‘Os Meyerowitz: Família Não se Escolhe’), e a maior audiência da história da Netflix em um lançamento (com ‘Mistério no Mediterrâneo’).

Agora, surgem elogios da crítica e a possibilidade de ser indicado ao Oscar por ‘Uncut Gems’. A grande diferença desse para os projetos anteriores é que o longa mais recente está sendo distribuído nos Estados Unidos pela A24, de ‘Moonlight: Sob a Luz do Luar’, enquanto o serviço de streaming ficou com os direitos para o resto do mundo.

Por tudo isso, durante a pré-estreia do novo filme em Hollywood, a Variety questionou, o ator e produtor: teria sido ele um gênio por ter identificado o potencial do video on demand e da Netflix antes de qualquer um – e, agora, estaria colhendo os frutos dessa união?

Publicidade

“Certamente que sim. Eu tenho sido um gênio a minha carreira inteira”, brincou o sempre bem-humorado Sandler. “Eu abri as portas para muitos outros. Eles [da Netflix] são muito legais. Eles são muito amigáveis com gente criativa. Queriam apenas fazer coisa boa. Eles acreditaram em mim, se envolveram comigo. Ted Sarandos [o CCO da empresa], o cara que manda na parada, eu o amo enquanto pessoa. Eu tive muita sorte”.

Leia também: “Se eu não vencer o Oscar, vou fazer um filme muito ruim só pra fazer vocês pagarem”, brinca Adam Sandler.

Josh e Benny Safdie, os irmãos que dirigem ‘Uncut Gems’, também elogiaram muito o companheiro de set. “Adam merece tudo isso, porque ele botou muito esforço e dedicação, isto era tudo para ele, e era tudo para a gente”, disse Josh Safdie.

Em ‘Uncut Gems’, Sander é um carismático joalheiro cheio de dívidas que cria uma confusão para conseguir vender uma joia não lapidada que vale milhões. O longa já foi exibido nos festivais de Telluride e Toronto, arrancando elogios da crítica. “Um dos melhores papeis dramáticos” e “minha ideia sobre Sandler e o que ele representa rapidamente desapareceram assim que o filme começou”, comentaram.

Com o título de ‘Joias Brutas’, o longa será lançado no Brasil pela Netflix em 31 de janeiro de 2020.