cena-walking-dead

‘The Walking Dead’: 5 segredos do final da 11ª temporada que você (provavelmente) não reparou

Episódio final da 11ª temporada de The Walking Dead teve participações especiais, mortes importantes e detalhes imperdíveis, confira!

Vitória Pratini

  |  
22 de novembro de 2022 11:26

The Walking Dead’ finalmente chegou ao fim na 11ª temporada. O episódio ‘Rest in Peace’ (“Descanse em Paz”, na tradução) foi ao ar no streaming Star+ no último domingo, 22, trazendo participações especiais, referências às temporadas anteriores, mortes de personagens importantes e abrindo as portas para os novos spin-offs da série.

Confira abaixo 5 segredos e easter-eggs do episódio final da 11ª temporada que você (provavelmente) não reparou.

Atenção: o texto a seguir contém spoilers do último episódio da 11ª temporada de ‘The Walking Dead’.

Rick Grimes e Michonne vão se encontrar?

Danai Gurira como Michonne na 11ª temporada de The Walking Dead
Danai Gurira como Michonne na 11ª temporada de The Walking Dead. (Créditos: Curtis Bonds Baker/AMC)

O final de ‘The Walking Dead’ mostra o (aguardado) retorno de Andrew Lincoln como Rick Grimes e revela onde o personagem esteve desde que foi levado por um helicóptero da República Civil Militar (CRM) na 9ª temporada da série. 

Publicidade

Até então, a única pista sobre o que pode ter acontecido com Rick foi quando Michonne (Danai Gurira) encontrou um navio militar na 10ª temporada com um par de botas, além de um smartphone com uma foto sua e de Judith. Michonne partiu para encontrar Rick logo depois, estando ausente da série desde então. Dentro do universo de TWD, nenhuma informação foi falada aos personagens. Fora das telas, no entanto, foi anunciado uma série spin-off de Rick e Michonne prevista para 2023.

Isso explica as participações especiais de Andrew Lincoln e Danai Gurira como Rick e Michonne no final da 11ª temporada. Enquanto a dupla estava em lugares e períodos separados, eles estavam conectados através de imagens de fogueira e os sons de suas vozes recitando palavras que estavam escritas em um diário. O mesmo diário, ao que parece.

Isso porque, como vimos Rick (sem sapatos e vestindo jeans e uma jaqueta militar da República Civil) em uma cena, colocou suas botas, diário e telefone em uma bolsa e depois a jogou em um barco para evitar que fosse confiscada por um helicóptero da CRM que se aproximava. Também vimos Michonne com aquela mesma bolsa, diário, botas e telefone em outra sequência – as pistas que a levaram em sua jornada para encontrar seu marido perdido.

Por que Rick sorriu na última cena de ‘The Walking Dead’? 

Andrew Lincoln como Rick Grimes no final da 11ª temporada de The Walking Dead
Rick Grimes fez retorno esperado no final da 11ª temporada de The Walking Dead (Créditos: Curtis Bonds Baker/AMC)

A cena final da série de ação do Star+ termina com Rick de braços levantados, rendendo-se, quando um helicóptero pousa entre ele e uma cidade devastada do outro lado da água. Rick olha para cima e… sorri.

Em entrevista à Entertainment Weekly, o produtor Scott M. Gimple explicou por que Rick sorriu apesar da situação aparentemente horrível que estava enfrentando. Leia a declaração completa de Gimple abaixo:

“Rick ainda tem alguma luta nele. Rick ainda não está quebrado, Rick é desafiador. E Michonne é desafiadora. Essas pessoas extraem força desse continuum de amor que criaram do nada, ou mesmo da tragédia e da perda”.

“Então ele está totalmente ferrado lá – e eu estou falando como Ezequiel aqui – e ainda assim ele sorri, porque ele ainda tem alguma luta dentro dele, e ele ainda não está baixando a cabeça. E o que dá a ele isso é a mesma coisa que dá a Michonne a força para entrar naquela horda de zumbis. E isso dá a Judith a força para olhar para esse futuro e dizer: ‘Somos nós que vivemos’. É a força que vai fazê-la seguir em frente. Então, esse sorriso é indicativo da força que é extraída das 11 temporadas de ‘The Walking Dead’”.

O que aconteceu com Rick Grimes em The Walking Dead?

Antes de sua aparição no final da série ‘The Walking Dead’, Rick Grimes estava ausente da franquia desde a 9ª temporada, episódio 5 da série principal. Durante seu episódio final, Rick explodiu uma ponte para salvar as comunidades de uma enorme horda de zumbis.

Ele foi dado como morto pelos principais sobreviventes da série, mas o público soube que Rick sobreviveu e foi levado por Jadis em um helicóptero CRM para tratar seus ferimentos. Desde sua captura, a linha do tempo de The Walking Dead avançou pelo menos 8 anos, com o paradeiro de Rick permanecendo desconhecido.

No spin-off ‘The Walking Dead: World Beyond’, o CRM destruiu a cidade de Omaha usando gás cloro e encobriu o ataque encenando um grande ataque de zumbis, então se você está procurando uma cidade que já viu dias melhores e tem uma conexão com CRM, pode ser ela.

Gimple deu algumas pistas sobre onde Rick está! “Vou dizer o seguinte: as pessoas detectaram que cidade é essa online, e é possível olhar para esse horizonte e perceber onde está”.

Em 2019, foi anunciado que a primeira parte do que foi planejado para ser uma trilogia de filmes de Rick Grimes estrearia “somente nos cinemas”. Um pequeno vídeo teaser foi apresentado, trazendo um helicóptero e um horizonte – que parece combinar com a cena final da 11ª temporada. Segundo a Entertainment Weekly, esse horizonte foi identificado por detetives online como a Filadélfia.

Ator de Carl Grimes fez participação especial no episódio final de ‘The Walking Dead’

Chandler Riggs em episódio final da 11ª temporada deThe Walking Dead
Chandler Riggs fez participação especial secreta em episódio final de The Walking Dead (Créditos: Jace Downs/AMC)

O episódio final de ‘The Walking Dead’ teve o retorno de diversos personagens falecidos da série, entre eles, Michael Cudlitz (Abraham), Sonequa Martin-Green (Sasha), Laurie Holden (Andrea) e Steven Yeun (Glenn). Eles se juntaram a Rick e Michonne ao falar “Nós somos os que vivemos”. Mas um ator querido da série foi além disso.

Chandler Riggs – que era um membro do elenco desde a 1ª temporada interpretando o filho de Rick, Carl Grimes, e cujo personagem foi morto na 8ª temporada – estava na tela para uma cena importante, embora você provavelmente não o tenha visto.

A cena final em Hilltop mostra Maggie (Lauren Cohan) conversando com Daryl (Norman Reedus) e Carol (Melissa McBride). Mas esses não foram os únicos atores da velha guarda de ‘The Walking Dead’ circulando por ali: Chandler Riggs, o Carl Grimes, estava em cena, em segundo plano como um fazendeiro de Hilltop, conforme imagem acima. 

“Esse foi nosso último dia de filmagem e Chandler queria vir nos visitar”, contou Greg Nicotero, que também está na série desde o início e dirigiu o episódio final. “E eu olhei para ele e disse, ‘Ei, você. Pegue isso, vá ficar atrás daquela foto.’ Não foi planejado. Eu acho que nem colocamos figurino nele. Acho que ele estava vestindo a roupa que foi para o set. Nós ficamos tipo, ‘Coloque ele em segundo plano’. Acho que demos a ele um chapéu para disfarçá-lo um pouco”, disse à EW.

“Foi ótimo”, comentou Norman Reedus sobre a participação improvisada. “Eles estavam tentando escondê-lo na cena, e eu continuei tentando mover minha cabeça como se estivesse olhando para ele para chamar a atenção do público, tipo, ‘Ei, ali está o Chandler!’ Acho que ninguém queria que eu fizesse isso, mas achei engraçado, então continuei tentando fazer.”

Morte de personagem na 11ª temporada de ‘The Walking Dead’ foi ideia de atriz

Christian Serratos como Rosita Espinosa, Seth Gilliam como Padre Gabriel Stokes
Christian Serratos escolheu destino de Rosita na série de zumbi (Crédito: Jace Downs/AMC)

‘The Walking Dead’ teve muitas mortes marcantes ao longo de suas 11 temporadas. E no último episódio, não seria diferente. Rosita se foi, em uma cena corajosa e emotiva, digna da forte personagem feminina que ela é. E acredite: a ideia surgiu da própria atriz, Christian Serratos. 

Em uma corrida feroz para encontrar e salvar sua bebê Coco, Rosita, de fato, resgatou sua filha. Enquanto tentava escapar de um grupo de zumbis com Eugene (Josh McDermitt) e Gabriel (Seth Gilliam), Rosita foi mordida. Ela revelou para Eugene e Gabriel em cenas emocionantes e de quebrar o coração.

“Comecei a pensar [na morte de Rosita] provavelmente quando encerramos nossa última temporada. E eu acho que todos nós coletivamente estávamos pensando: ‘quem vai morrer dessa vez? Quem vai ser?’ Lentamente, acho que começamos a perceber que não seria ninguém. Eu realmente achei que devíamos isso à série e ao público, quebrar os corações [dos fãs] uma última vez. Também fez muito sentido para o meu personagem”, disse Serratos.

“É tão triste pensar que ela morreu. Mas isso me deu uma sensação de encerramento, de certa forma, porque ser um ator pode ser muito psicológico. Você passa muito tempo fingindo ser essa pessoa e fica muito perto dela. É como uma ligação entre você e o personagem. E então, de repente, você simplesmente nunca mais os vê”, comentou a atriz.

“Há tanta conversa sobre spin-offs e outras coisas, e eu não poderia viver no limbo. Eu não podia deixar de saber se ela voltaria ou não. Ia me deixar louca. Então isso realmente me ajudou, Christian, a ter um encerramento. E eu realmente acho que fez sentido para Rosita. Quero dizer, ela estava tão disposta a morrer por seus entes queridos e morrer por sua filha, e eu pensei que realmente fazia sentido para ela.”

Onde assistir à 11ª temporada de ‘The Walking Dead’?

A 11ª temporada de ‘The Walking Dead’, assim como as anteriores, estão disponíveis no Star+ e na Claro TV+ (antigo NOW). As outras 10 temporadas da série podem ser vistas também na Netflix.

Já os spin-offs ‘The Walking Dead: World Beyond’ e ‘Fear the Walking Dead’ podem ser assistidos no Amazon Prime Video.

Confira aqui mais informações sobre as produções do Star+.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.

32 Vitória Pratini

Jornalista especializada em filmes, séries e cultura pop há 8 anos, Vitória Pratini já foi publicada no AdoroCinema, IGN Brasil, Terra e MSN. Hoje, é Estrategista de Conteúdo e Redatora do Filmelier.