Pixel do Facebook

Não é um Filme Caseiro

Chantal Akerman
Não é um Filme CaseiroNão é um Filme Caseiro
(2016)

Trailer

Sinopse

O último filme da inovadora Chantal Akerman, este é um retrato de seu relacionamento com sua mãe, Natalia, uma sobrevivente do Holocausto e que está presente em muitos dos filmes de sua filha.

Ficha técnica

Por que assistir a este filme?

Filmado poucos meses antes da morte de sua mãe - uma sobrevivente do Holocausto - 'Não é um Filme Caseiro' é também o último filme da grande Chantal Akerman ('Jeanne Dielman'). Fiel à filmografia anterior, este filme também consegue conjugar o dramático com o mundano num documentário, de forma intimista e sensível. Uma obra de arte tão pessoal quanto universal, o filme captura alguns dos últimos momentos de Chantal e sua mãe, conversando e trocando memórias, dotada de lampejos de amor e da dor do desenraizamento da imigração. O filme é um fragmento genuíno da relação entre as duas, e é muito significativo como seu filme testamento, pois imortaliza a relação dela com a mãe, que faleceria pouco tempo depois.

Filmelier

Filmelier

As nossas sugestões

Onde assistir?

Indisponível nos cinemas

Disponível em casa

Publicidade