diretor-cidade-de-deus-ccxp-22

Fernando Meirelles, diretor de ‘Cidade de Deus’, será homenageado na CCXP 22

O cineasta é homenageado de honra da CCXP deste ano e estará em um painel especial para falar sobre sua carreira

30 de agosto de 2022 13:09

O diretor de ‘Cidade de Deus‘, Fernando Meirelles será homenageado na edição deste ano da CCXP. Celebrando 20 anos do lançamento da produção, o cineasta estará em um painel especial, que está previsto para acontecer no dia 1º de dezembro, para falar sobre sua carreira e outros aspectos do audiovisual.

Além de comentar sobre sua trajetória, expectativa é que o diretor de ‘Cidade de Deus’ traga também novidades sobre seus próximos projetos e comente sobre outras obras que esteve à frente na direção, como ‘Dois Papas’, ‘Ensaio Sobre a Cegueira’, entre outros.

Com a homenagem, Meirelles se junta a Laerte, Mauricio de Sousa, Frank Miller, Renato Aragão, Fernanda Montenegro, Cris Columbus, Cao Hamburger e Neil Gaiman.

'Cidade de Deus' é o segundo filme mais visto no mundo
A produção teve 4 indicações ao Oscar em 2004 e venceu o BAFTA Awards de melhor edição e Writers Guild of America pelo roteiro (Crédito: Divulgação/O2 Filmes)

🎞  Quer saber as estreias do streaming e dos cinemas? Clique aqui e confira os novos filmes para assistir!

Sobre ‘Cidade de Deus’

Publicidade

A produção, que completa 20 anos em 2022, é uma das mais premiadas e reconhecida no exterior. Em 2004, recebeu quatro indicações ao Oscar, concorrendo nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Edição e Melhor Fotografia.

Baseado no livro homônimo de Paulo Lins, ‘Cidade de Deus’ conta a história de Buscapé, um jovem pobre, negro e muito sensível, que cresce em um universo de muita violência. A sinopse oficial ainda completa: “Amedrontado com a possibilidade de se tornar um bandido, ele acaba sendo salvo de seu destino por causa de seu talento como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. É através de seu olhar atrás da câmera que Buscapé analisa o dia-a-dia da favela onde vive, onde a violência aparenta ser infinita.”

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.