sandra-bullock

Ganhadora do Oscar, heroína de ação e ladra de diamantes: Sandra Bullock faz tudo

A atriz mostrou sua versatilidade em uma carreira que já dura três décadas – e que ganha o seu próximo capítulo com um novo filme na Netflix, ‘Imperdoável’

10 de dezembro de 2021 10:24
- Atualizado em 12 de dezembro de 2021 18:16

Sandra Bullock – ou Sandra Annette Bullock – é um dos nomes mais conhecidos de Hollywood. Ela está em atividade desde o final da década de 1980 e passou por diversos gêneros, mostrando que encara qualquer papel – desde filmes de ação como ‘Velocidade Máxima’ (1994), a comédias românticas como ‘Da Magia a Sedução’ (1998) e dramas ganhadores de Oscar como ‘Um Sonho Possível’ (2009).

A atriz, com mais de 34 anos de carreira, retorna à Netflix hoje, 10, com um novo filme: ‘Imperdoável’. Gancho perfeito para relembrar sua trajetória da atriz no cinema.

Sandra Bullock vem de uma família talentosa: a mãe, Helga Mathilde Meyer, foi uma cantora de ópera alemã; enquanto o seu pai, John W. Bullock, era instrutor de voz. Ela passou parte de sua infância viajando pela Europa com os pais e a irmã, Gesine Bullock-Prado.

Sarah Paulson, Sandra Bullock e Rihanna em ‘Oito Mulheres e um Segredo’ (Crédito: Divulgação/Warner Bros.)

Bullock estudou teatro na Universidade da Carolina do Leste, assim que se formou foi morar em Nova York para buscar a carreira de atriz. Quando se mudou, trabalhava como garçonete para se sustentar e pagar por aulas de teatro. Não demorou para Sandra conseguir um trabalho na Broadway, na peça ‘No Time Flat’, em 1988.

Publicidade

Seu papel foi tão elogiado que Sandra arrumou um agente e passou a fazer pequenas participações na TV. E em um curto período de tempo se tornou protagonista de ‘Uma Secretária de Futuro’. Uma que a pena série não deu certo, então a atriz foi para Los Angeles e passou a fazer filmes televisivos, decisão mais que certeira.

A princípio pegou uns papéis secundários, como em ‘Assassinato no Central Park’ (1989), e em ‘Poção do Amor N.º 9’ (1992) e ‘Inferno Selvagem’ (1993) conseguiu mais destaque. Ainda em 1993, ela trabalhou com River Phoenix na comédia ‘Um Sonho, Dois Amores’ e também com Jeff Bridges e Kiefer Sutherland em ‘O Silêncio do Lago’.

Bullock também estrelou ‘O Demolidor’, ficção científica com o astro Sylvester Stallone – com quem fez “par romântico”. Sua participação abriu portas, pois ela foi recomendada pelo produtor Joel Silver a participar de um novo projeto de Jan de Bont: ‘Velocidade Máxima’.

Keanu Reeves e Sandra Bullock em ‘Velocidade Máxima’ (Crédito: Divulgação/ 20th Century Studios)

👊 Quer filmes de ação para assistir no streaming ou nos cinemas? Acesse aqui e confira centenas de opções!

Ao lado de Keanu Reeves e Dennis Hopper, Sandra Bullock fez seu primeiro blockbuster que emendou uma sequência que não foi bem sucedida em 1997, o ‘Velocidade Máxima 2’. Ela foi o grande destaque do longa, mais até que o protagonista, que era Reeves.

Outro sucesso foi a comédia romântica ‘Enquanto Você Dormia’ (1995), com Bill Pullman e Peter Gallagher. No longa, atriz mostrou que também era ótima em papéis com humor. Ainda nos anos 1990, Sandra Bullock estrelou ‘Eu e a Máfia’, ‘A Rede’, ‘Corações Roubados’, ‘No Amor e na Guerra’, ‘Da Magia à Sedução’ e ‘Quando o Amor Acontece’.

Em 1998, Sandra fez sua estreia no roteiro e direção do curta-metragem ‘Making Sandwiches’ – exibido no Sundance Film Festival. A produção segue ela e Matthew McConaughey fazendo sanduíches enquanto assistem à televisão.

Nos anos 2000, a atriz embarcou em uma série de comédias dramáticas e românticas: ’28 Dias’, ‘Gente Famosa’ e um de seus filmes mais conhecidos, ‘Miss Simpatia’. No longa, ela interpreta uma policial que se infiltra em um concurso de beleza e acaba conquistando todos. Coincidentemente, Sandra Bullock foi a miss simpatia no seu colegial: ela era muito popular e foi eleita pelos colegas.

O filme foi muito bem sucedido e teve uma sequência, ‘Miss Simpatia 2: Armada e Poderosa’, de 2005.

Michael Caine e Sandra Bullock em ‘Miss Simpatia’ (Crédito: Divulgação/Warner Bros.)

Ao lado de Hugh Grant, um dos rostos mais conhecidos das produções de romance, a atriz estrelou ‘Amor à Segunda Vista’ em 2002. No mesmo ano, ela protagonizou o suspense policial ‘Cálculo Mortal’, com Ryan Gosling e Michael Pitt. Em 2006, Sandra Bullock voltou a trabalhar com Keanu Reeves no drama ‘A Casa do Lago’.

Após um período de pausa, de uns três anos, a atriz voltou com tudo em ‘A Proposta’, comédia romântica com Ryan Reynolds, e no premiado ‘Um Sonho Possível’. Este último conta a história – baseada em fatos – de Michael Oher, um garoto abandonado que foi adotado por uma família e se tornou um dos melhores jogadores de futebol americano.

No longa, Bullock dá vida à mãe adotiva de Oher e a atuação lhe rendeu seu primeiro Oscar, além de um Globo de Ouro. Em 2014, ela foi indicada novamente por ‘Gravidade’, ficção científica de Alfonso Cuarón ganhadora de sete prêmios da Academia, incluindo melhor direção.

Nos anos seguintes, Sandra Bullock estrelou menos filmes. Seus últimos trabalhos foram em ‘Birdbox’ (2018), adaptação da Netflix para o livro ‘Caixa de Pássaros’, e na versão feminina de ‘Onze Homens e um Segredo’, o ‘Oito Mulheres e Um Segredo’ (2018) – no qual a estrela atua ao lado de Cate Blanchett, Anne Hathaway, Mindy Kaling, Sarah Paulson, Awkwafina, Rihanna e Helena Bonham Carter.

Agora, a atriz está de volta à Netflix e as telas com ‘Imperdoável’.

Depois de passar pela carreira de Bullock, você pode aproveitar e ver mais informações sobre ‘Imperdoável’ – incluindo trailer, sinopse e motivos para assistir – clicando aqui.

Siga o Filmelier no FacebookTwitterInstagram e TikTok.