Cannes-2019

Prêmio da crítica dos EUA segue o Oscar e é adiado

Critics Choice Awards 2020 também sofrerá alterações devido a pandemia de coronavírus

18 de junho de 2020 18:09

A temporada de adiamentos continua: o Critics Choice Awards 2021 também sofrerá mudanças devido a pandemia de coronavírus. A premiação, que é um termômetro do Oscar, teve sua data alterada e acontecerá em 7 de março.

O evento continuará sendo ao vivo e o ator Taye Diggs retornará como anfitrião pelo terceiro ano consecutivo:

“Agora, mais do que nunca, as pessoas estão recorrendo ao cinema e à televisão como uma fonte de conforto, um meio de educação e uma maneira de se conectar”, disse Joey Berlin, CEO da Critics Choice Association, em comunicado à imprensa.

Com base nisso, algumas alteração serão feitas na premiação. Para cinema, o período de elegibilidade segue a do Oscar, filmes que foram lançados entre 1 de janeiro de 2020 até 28 de fevereiro de 2021 podem concorrer. Na na categoria de TV, as séries que serão elegíveis são aquelas que estrearam em 2020.

Confira as novas datas do Critics Choice Awards 2021:

  • 18 de janeiro de 2021: Anúncio dos indicados na categoria de TV
  • 7 de fevereiro de 2021: Anúncio dos indicados na categoria de filmes
  • 7 de março de 2021: Cerimônia de premiação

E quem foi premiado no Critics Choice Awards de 2020?

Publicidade

Esse ano, os principais destaques da premiação foram: ‘Era uma vez em Hollywood’, que ganhou quatro prêmios; melhor filme, ator coadjuvante para Brad Pitt, roteiro original para Quentin Tarantino e design de produção para Barbara Ling e Nancy Haigh.

Brad Pitt e Leonardo DiCaprio em cena de ‘Era Uma Vez em Holywood’ (Crédito: Divulgação Sony Pictures)

Joaquin Phoenix foi um sucesso em praticamente todas as cerimônias do ano e no Critics não foi diferente. O ator ficou com o estatueta de melhor ator por sua atuação em ‘Coringa’. E na categoria de melhor atriz, Renée Zelwegger foi a grande vencedora, que junto com Phoenix, levou tudo por interpretar Judy Garland em ‘Judy: Além do Arco-Íris’.

Já na direção, teve um empate entre Sam Mendes, com ‘1917‘, e Bong Joon Ho com ‘Parasita’. Vale lembrar que o longa coreano ficou com o Oscar de melhor filme, além de melhor diretor, filme estrangeiro e roteiro original.

Na televisão, ‘Fleabag’ ganhou como melhor série de comédia, atriz em série de comédia com Phoebe Waller-Bridge e ator coadjuvante para Andrew Scott. Já Eddie Murphy foi honrado com o prêmio de Lifetime Achievement, que homenageia toda sua carreira.